quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

dois filmes que me emocionou muito.

Um dos filmes, mais lindos  e que me emocionei muito assistindo:


1° Sempre ao seu lado.


Sempre ao seu Lado é diferente, mas com certeza as lágrimas vão cair dos seus olhos ao ver a belíssima história do cachorro e seu dono, o professor universitário Parker Wilson (Richard Gere), que acha um cachorro da raça Akita (ou o cachorro o encontra), em uma estação de metrô em New York. Parker tenta encontrar o verdadeiro dono do cão, mas sem sucesso ele acaba se apegando a Hatchi (como é chamado o cachorro), e vice versa. A história mostra Hatchi acompanhando seu dono todos os dias até a estação do metrô e depois o esperando pela sua volta do trabalho.

   
O filme é baseado em uma história real que aconteceu no Japão no início do século, onde Hachiko ia com o seu dono até a estação do metrô de Shibuya e o esperava voltar no final da tarde todos os dias. Hoje é possível ver uma estátua de Hachiko feito em sua homenagem no lugar onde ele ficava esperando seu dono





Se você gosta de cachorro e não tem vergonha de sair do cinema com os olhos vermelhos, esse filme vale a pena assistir e se emocionar com a história de lealdade e amizade entre um cachorro e seu dono.

.
2° Marley e eu


Quando vamos ver um filme que conta a história de um cachorro como é o caso de Marley e Eu, sempre esperamos que o cachorro morra no final. Por isso entramos na sala do cinema esperando apenas assistir mais um lindo cachorrinho fazendo suas gracinhas, até chegar o momento de chorar no final do filme, não é mesmo? 

Durante a noite do seu casamento, e enquanto a neve vai caindo, os recém-casados John e Jenny Grogan decidem deixar para trás os difíceis Invernos de Michigan e partirem para sul, iniciando as suas vidas em West Palm Beach, na Flórida. Aí, eles conseguem trabalho como jornalistas em diferentes jornais locais, comprar a sua primeira casa, e fazer o seu caminho através dos desafios do matrimónio, de novas carreiras e, possivelmente, da decisão de constituir família… Inseguro, e não estando preparado para criar crianças, John confessa os seus receios ao seu colega jornalista, Sebastian, que lhe apresenta a solução perfeita: “Poderás dar um cachorrinho a Jenny. Não há nada melhor que isso", diz Sebastian.






 Então eles resolvem adoptar Marley, um "fofinho" e "gorducho" Labrador amarelo, que não tarda muito em crescer e transformar o lar dos Grogans num autêntico turbilhão…nada escapará à sua voracidade e irreverência! Mas John e Jenny percebem por fim que Marley - "o pior cão do mundo" – de alguma maneira fez vir ao de cima o melhor que existe neles…



Entre os dois , eu te digo uma coisa , o que mais cortou meu coração foi sempre ao seu lado , mas esses são os filmes mais excelentes que já assisti.

Um comentário:

Amo desenhos da disney disse...

NOSSA OS DOIS FILMES SÃO MARAVILHOSOS!!! EU TAMBEM ASSISTIR! E ME EMOCIONOU MUITO!!!